Artigos e Notícias

  • Chorei

    20 Dezembro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Chorei o canto dos reclusos Prisioneiro nos confins da alma As dores de tantas ausências De perdas que denigrem a fé Pelas coisas já findas E por todas que estão por vir Um choro múltiplo Uma dor universalmente traçada Por todos os perseguidos Os sem esperança Com fome e sede Chorei por todos Por mim Pelas perdas que vivi Pelas cores que não vi Pelos versos que nao fiz E pelos [...]

  • Conflitos e Superações

    12 Dezembro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Marcos nasceu no seio de uma família estruturada. Pai, mãe, avó sempre presente e uma babá carinhosa e possessiva, do tipo que não deixava a criança se aproximar das outras. O pequeno menino passou a frequentar a escola e como não estava acostumado a brincar - filho único- logo estranhou o convívio com outras crianças e um mundo completamente novo.

  • Travessias

    03 Dezembro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Cruzo pontes Buscando essências E os melhores canais Não sei onde chegarei Atravesso rios a nado Costeando sonhos Amparado pelas águas Mapeando destinhos Pegadas na água Deixadas pelo canto das chuvas Pelo nado dos peixes Pelas sombras das nuvens Ausência de sol Assim prossigo... Não sei onde chegarei Qual luz de novembro me aguarda Nem o porto por onde cruzarei Meu canto perdido E [...]

  • Máscaras

    17 Novembro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Quando as máscaras caem E tudo parece fazer sentido A sensação de exploração toma conta Sufoca qualquer esperança Nossas certezas caem por água abaixo E o mar das ilusões vira deserto O sol seca a água, os sonhos e as vidas Quiçá venha um dia a noite A senhora de todas as horas E nos mostre a outra face da lua O imaculado rosto dos bons Que lutam e não saqueiam Perdidos em algum labirinto Sem [...]

  • Linhas do Tempo

    08 Novembro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Olho a linha do tempo Como linhas paralelas Elas nunca se encontram E nem se tocam Caminham lado a lado Conversam entre si Dialogos entre passado e futuro No caudoloso rio do destino Com suas águas crespas Tal como a inexatidão dos sentimentos Quase nada é retilineo... O tempo transcende a vida Esgrimando contra ventos Contra pontes sonhadas Quiça de ouro Onde se projetam sonhos Vestidos de [...]

  • Os conselhos de Arlete

    29 Outubro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Arlete tinha quase oitenta anos, mas aparentava no máximo setenta. Vaidosa. Rosto plastificado. Cabelo cor de caju. Unhas sempre bem feitas. Viúva de um Coronel da Brigada. Pessoa culta que falava francês, tocava piano, mãe dedicada e avó carinhosa.

  • Apenas

    17 Outubro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Apenas caminhar entre silêncio dos ventos. Sentir a beleza que se desnuda a cada flor brotada em solo infértil. Em cada sorriso de adeus que permeia as lembranças e as saudades. Ir além do universo, num mundo invisível onde apenas o fogo clareia as incertezas e pousa suas brasas sob as águas crespas do mar da existência. O mapa das águas do destino onde se descortinam peixes, sal e navios em busca de um porto [...]

  • O rio do tempo

    08 Outubro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Quando vi as linhas do tempo Perdidas nas mãos do destino Não pude alcançá-las Difícil esgrimar contra o vento Contra a força dos anos Perdidas no lapso da memória Passado e futuro unidos Na ampulheta da vida A espera da sorte De areias e desertos Onde fica o caminho das águas? Abaixo do canto das gaivotas A direção dos sonhos Sob o crivo da luz do horizonte Apenas o por-do-sol E uma canção [...]

  • Heróis

    01 Outubro / 2012 por Cassiano Santos Cabral

    Eles estão de volta. Os super heróis do rádio e na televisão. É verdade que eles não voam com a capa do Super Homem, tampouco têm o bracelete mágico da Mulher Maravilha. Nossos atores se parecem muito com o homem aranha, pois sabem tecer teias e escalam montanhas para atingir os seus objetivos. Eles não mostram seus rostos, pois preferem escondê-los atrás da máscara do Batman. Eles são os próprios mascarados. [...]

LER MATÉRIA

Primavera

LER MATÉRIA

Biskuit

LER MATÉRIA

Inverno

LER MATÉRIA

Outono

LER MATÉRIA

Sopa: o quente do inverno em Gramado

LER MATÉRIA

O Tempo

LER MATÉRIA

Eventos

LER MATÉRIA

Compras