Tradição Gaúcha será enaltecida no Rodeio de Canela

Cultura Acontece Na Serra 09 Janeiro / 2020 Quinta-feira por Gramadosite

São esperados cerca de 1.500 participantes no evento, que deve contar com um público assistente de mais de 30 mil pessoas, apreciadores da cultura gaúcha, que acompanham as provas de tiro de laço, nas suas 22 modalidades, gineteadas e as provas artísticas, que contam com 18 modalidades.

O patrão do CTG Querência, Gilnei do Nascimento comenta que “para o CTG Querência é sempre uma alegria receber o público e os participantes. Contamos com famílias inteiras que participam das provas campeiras e, cada vez mais, buscamos enaltecer os laços familiares, com as provas de laço Irmão, Pai e Filho, Mãe e Filho, bem como a participação das mulheres, que a cada ano, aumenta.

As provas da campeira terão início já quarta-feira, com a confirmação de cavalos crioulos pela ABCC (Associação Brasileira de Cavalos Crioulos) e prova de laço, na qual só podem participar cavalos desta raça, seguido de outra prova, na qual participam os criadores de cavalos crioulos e, para encerrar o início do Laço Trio. Na quinta pela manhã será a vez dos participantes com mais idade, disputando as modalidades Vaqueano, Veterano e Senhor; patrões e capatazes de entidades tradicionalistas também participam neste dia, que contará ainda com a disputa da Taça Cabanha do Parque, bem como a primeira classificatória de prendas e o início da prova Dupla Oficial do Rodeio.

Os piás e guris abrem a programação do tiro de laço na sexta-feira, 10, dia em que ocorrerá a disputa da Taça Cidade de Canela, que neste ano rende homenagem ao laçador Mauro Mello da Silva, que veste a camisa do Querência desde 1982, sagrando-se campeão em inúmeras ocasiões, pelos rodeios do Rio Grande do Sul. Os títulos mais importantes que Mauro trouxe para o Querência foi o de campeão individual do laço de Seleção de Estados, em 1984, no Rodeio Internacional de Vacaria e, terceiro lugar de duplas, laçando com Sidnei Santos, no mesmo rodeio, em 1986. Como ginete, sagrou-se campeão no Rodeio de Canela nos anos de 1988 e 1989. Na sexta-feira terá também início da classificatória da prova de Gineteada, que conta com 60 ginetes inscritos.

As prendas disputarão mais uma classificatória, iniciando as atividades de sábado, seguido das provas de Pai e Filho e Mãe e Filho e, à tarde, a principal prova do evento terá continuidade, com o laço Dupla Oficial e a segunda classificatória da Gineteadas.

No domingo, o Parque de Rodeios abre as cancelas para as finais das provas campeiras e, no Centro de Eventos do Santuário de Caravaggio, que fica junto ao Parque de Rodeios, ocorrerão as provas artísticas, reunindo invernadas de diversas cidades do Estados, nas provas Danças Tradicionais, Vocal, Declamação, Gaita Piano e Gaita Botão e, Declamação. Essas são divididas por idade.

A premiação do Rodeio de Canela soma mais de 60 mil reais em prêmios, sendo realizado pelo CTG Querência, com promoção da Prefeitura Municipal e apoio da Brigada Militar.

Os fandangos se destacam na programação, já que trazem nomes conhecidos da música gaúcha como Volnei Gomes e grupo Cantando o Rio Grande e Estação Fandangueira, na quinta a noite, Os Tiranos, na sexta e, Tchê Garotos, no sábado.

O evento conta com entrada franca e ocorre no Parque de Rodeios Saiqui, cerca de 7km distante do centro de Canela, em direção a São Francisco de Paula.





Valores

Ingressos antecipados para fandangos: 20 reais na quinta, 25 reais na sexta e, 30 reais no sábado. Na hora, aumenta 10 reais. Venda antecipada na secretaria do CTG, Bazar do Gyba e Star Vídeo, em Canela; e, loja Estância Gaúcha.

Mesas para fandangos: 40 reais para sócios e 50 reais para não sócios
Terrenos para acampamento: sócios do CTG Querência R$ 200 por lote, com apresentação do recibo de pagamento da mensalidade do mês de dezembro, sendo liberado apenas 1 lote por sócio. Não sócio R$ 500
Estacionamento R$ 15

Categorias:   Notícias | Artigos | Economia e Negócios | Estilo | Cultura | Esportes