Geekie e Instituto Tiago Camilo firmam parceria que beneficiará mais de 2 mil jovens em risco de vulnerabilidade social e econômica

Cultura Notícias 12 Novembro / 2020 Quinta-feira por Gramadosite

O poder de transformação social do esporte e da educação na vida de crianças em situação de vulnerabilidade social é inegável. Diante disso, o Instituto Tiago Camilo (ITC) e a Geekie anunciam uma parceria inédita que beneficia mais de 2 mil jovens em São Paulo e no Espírito Santo, apoiados pelo instituto e que agora contam com a plataforma Geekie Games para se prepararem para o Enem e vestibulares.

“Sempre acreditamos que esporte e educação devem andar juntos. A própria filosofia do judô leva a criança a desenvolver um maior senso responsabilidade e disciplina. Por isso, nós buscamos desenvolver cada polo do Instituto em escolas”, explica Tiago Camilo, fundador do ITC. “Com a chegada da pandemia, tivemos que suspender as nossas ações presenciais em todos os polos, assim como as próprias escolas fizeram, mas não deixamos de dar assistência às crianças e suas famílias. Além da doação de cestas básicas, buscamos novas formas de continuar presentes na vida delas, fazendo a diferença”, completou.

Dessa forma de atuar surgiu a parceria com a Geekie – empresa fundada em 2011 que se tornou referência em educação com apoio de inovação no Brasil e no mundo. “As conversas já tinham sido iniciadas em 2019. Com a nova realidade que passamos a viver desde março deste ano, intensificamos o diálogo com o objetivo de acelerar o processo e iniciar as atividades o quanto antes”, conta Camilo.

Segundo Claudio Sassaki, cofundador da Geekie e mestre em Educação pela Universidade de Stanford, a parceria com o Instituto Tiago Camilo endereça um desafio enfrentado por muitos jovens na pandemia: se preparar para os exames como Enem e vestibulares. “Com a suspensão das aulas presenciais, como medida preventiva para evitar a disseminação do coronavírus (Covid-19), os estudantes que estão se preparando para o Enem e exames vestibulares têm um desafio a mais e podem ser prejudicados. Para que os jovens do ITC possam ter mais um apoio na rotina de estudos e preparo, decidimos conceder bolsas de estudo da plataforma Geekie Games para eles. É a nossa forma, como negócio de impacto social, de fazer a nossa parte para que, como sociedade, possamos vencer esse grande desafio de saúde pública”, afirma Sassaki. O executivo acrescenta que o Geekie Games já está sendo utilizado por 115 mil estudantes. Desde a criação, a plataforma já foi utilizada por mais de 12 milhões de alunos.

Ao longo da trajetória, a plataforma Geekie Games auxiliou 73% de estudantes brasileiros com idade entre 18 anos e 24 anos: 22% entre 25 anos e 44 anos; e 5% com mais de 44 anos, sendo 64% de mulheres e 36% de homens. Destes, 72% são de escolas públicas e 28% particulares. Uma avaliação sobre o impacto da plataforma atestou que alunos que seguiram o plano de estudos personalizado na sua totalidade tiveram uma evolução cinco vezes maior do que a obtida por estudantes com mesmo grau de engajamento, mas que não se guiaram pela tecnologia adaptativa. “Fica muito perceptível o quanto um estudante pode se desenvolver se for bem orientado, principalmente, quando esse apoio se dá de forma personalizada”, acrescenta Sassaki.

Por meio da parceria, os jovens com idades entre 15 e 17 anos assistidos pelo Instituto Tiago Camilo poderão desfrutar de todos os recursos da plataforma Geekie Games. “Montamos um hotsite específico para a parceria, onde nossos instrutores farão o cadastro dos estudantes. Estamos muito animados com essa novidade e certos de que ela será muito importante para todos os jovens que fazem parte do Instituto, especialmente neste momento. Agradecemos a Geekie por assumir essa responsabilidade conosco”, finaliza Tiago Camilo.

Sobre o Instituto Tiago Camilo

O Instituto Tiago Camilo surgiu a partir da crença do atleta olímpico fundador de que todas as pessoas podem e devem ter oportunidades. Baseado na filosofia e disciplina do judô, o objetivo do projeto é levar para as crianças de comunidades de São Paulo e Espírito Santo todos os princípios e valores do esporte. Fundado em 2012, o Instituto já conta com cinco unidades na capital, localizadas em Jaguaré, Heliópolis, Paraisópolis, Vila Olímpica Mário Covas e Aricanduva. São mais de 1000 crianças atendidas anualmente que, além de treinamentos esportivos, participam de passeios culturais e sociais.

No Espírito Santo, o ITC já conta com cinco polos em funcionamento, atendendo cerca de 1.200 crianças. O objetivo é chegar a 10 polos, sendo dois em Vitória, dois em Vila Velha, um em Santa Maria de Jetibá, um em São Mateus, um em Serra, um em Cariacica, um em Vargem Alta e um em Cachoeiro de Itapemirim.

Sobre a Geekie

Referência em educação com apoio de inovação no Brasil e no mundo, a Geekie foi fundada em 2011 – pelos empreendedores Claudio Sassaki e Eduardo Bontempo – com a missão de transformar a educação do país. Nos últimos nove anos, a empresa tem desenvolvido soluções inovadoras que potencializam a aprendizagem. Com foco no Ensino Médio e Fundamental II, a empresa alia tecnologia de ponta a metodologias pedagógicas inovadoras. Única plataforma brasileira de ensino adaptativo credenciada pelo Ministério da Educação (MEC) para o Guia de Tecnologias Educacionais – que identifica soluções tecnológicas capazes de melhorar a qualidade do ensino brasileiro – em sua trajetória a Geekie alcançou mais de 5 mil escolas públicas e privadas de todo país, impactando cerca de 12 milhões de estudantes.

Entre as certificações mais relevantes, a empresa destaca: WISE 2016 (Qatar Foundation), TOP Educação (Revista Educação, categoria software educacional mais lembrado do mercado), Empreendedor Social Brasil (Folha de São Paulo e Fundação Schwab), Empreendedor Social Mundial (Fundação Schwab), Trip Transformadores e Empresas Mais Conscientes (Revista IstoÉ) – além de compor a rede global de empreendedores Endeavor. A Geekie já contou com aporte de investidores de tradição na área educacional como família Gradin (por meio do fundo Virtuose), Fundação Lemann, Jorge Paulo Lemann (por meio do Fundo Gera), Arco Educação, além dos fundos, o norte-americano Omidyar Network e o japonês Mitsui & Co.

Categorias:   Notícias | Artigos | Economia e Negócios | Estilo | Cultura | Esportes